Categorias: Ásia

Myanmar – Dicas Práticas

IMG_8657
Balões sobrevoando os templos de Bagan
IMG_7979
Shwedagon Pagoda – Yangon

Conhecer Myanmar foi a realização de um sonho, a primeira vez que vi fotos do país, foi há alguns anos atrás em um blog de viagens e a partir daquele dia entrou no topo da minha lista de destinos a serem visitados. E com toda certeza foi tudo que sempre sonhei um país com templos incríveis, um povo sorridente e paisagens inesquecíveis.

IMG_9363
Aureum Palace Hotel & Resort – Bagan

Myanmar é a antiga Birmânia, localizada no sul da Ásia Continental, o país teve sua independência do Reino Unido em 1948, porem sofreu com um longo período do regime militar (de 1962 a 2011). Em Novembro de 2011 ocorreram as eleições gerais, colocando um fim no regime militar, desde então o país vem incentivando o turismo e se abrindo para investimentos estrangeiros. 

IMG_9094
Bagan

O país esta passando por varias transformações nos últimos anos, são pouquíssimos lugares que aceitam cartão de credito, na verdade durante minha estadia em Myanmar usei o cartão de credito somente nos hotéis e em dois restaurantes, existe alguns ATMs no país porem não conseguimos sacar em nenhuma das tentativas, então minha principal dica para quem planeja visitar Myanmar é levar dinheiro em espécie, no nosso caso trocamos dólar pelo dinheiro local no aeroporto.

Myanmar faz fronteira com a BangladeshTailândia, Índia, China e Laos.

IMG_8546
Yangon
IMG_8471
Yangon

Conhecer Myanmar é viver um sonho acordado, os 3 mil templos em Bagan parecem ter saído de um conto de fadas, o incrível Shwedagon Pagoda , em Yangon com mais de 2500 anos é belíssimo e a intrigante Golden Rock, foram sem duvidas um dos locais mais incríveis que já visitei.

Muitas pessoas têm duvidas de visitar Myanmar, por ser um país com poucas informações de turismo e por ser um “novo” destino de viagem, enquanto programava nossa visita ao país surgiu muitas duvidas e preocupações de algo dar errado, porem correu tudo como programado, visitamos todos lugares do nosso roteiro, me senti segura durante toda viagem e  conhecemos pessoas amáveis e prestativas. Sem duvidas Myanmar foi o destino mais exótico que já visitei e um dos mais especiais.

IMG_8256
Maior Buda reclinado do mundo em Yangon
IMG_9130
Mini Monges em Bagan

Minha dica para quem planeja uma viagem para Ásia é incluir em seu roteiro Myanmar e se apaixonar por esse destino exótico, com um povo sorridente e com paisagens incríveis!

Quando ir: Visitamos o país em Janeiro de 2015, com dias ensolarados e noites frescas.

A melhor época para visitar Myanmar é de Outubro a Maio, estação de seca.

De Maio a Outubro é a estação chuvosa, durante essa época não ocorre os inesquecíveis  passeios de balão em Bagan.

IMG_8324
A incrível Golden Rock

Como chegar: Fomos de Bangkok(Tailândia) para Yangon, em um voo direto com a Air Asia, compramos a passagem no site da companhia aérea.

Não existem voos diretos do Brasil para Myanmar, a forma mais simples de chegar no país é através da Tailândia, China, Camboja ou Cingapura.

Voos Internos: Fomos de Yangon para Bagan (Nyang U) em um voo direto com a AirKBZ,  compramos no site da companhia aérea.

Obs.: Pesquise nos sites de vendas de passagens os melhores preços e trajetos.

IMG_8809
Aureum Palace Hotel & Resort – Bagan

Meu roteiro em Janeiro de 2015:

Yangon – 3 noites ( 3 dias inteiros)

Bagan – 3 noites (dois dias inteiros)

Foi o tempo ideal em cada cidade, conseguimos conhecer todos os locais que havíamos planejado visitar.

Existem outros destinos interessantes no país como o Inle Lake e Mandalay, que ficaram para uma próxima visita.

Combine a viagem a Myanmar com outros países  da Ásia como Tailândia, Laos, Vietnam ou Camboja. No meu caso visitamos primeiro a Tailândia e depois Myanmar. 

IMG_8220
Big Buda em Yangon
IMG_8867
Passeio por Bagan

Como circular nas cidades:

Yangon: Para conhecer a cidade indico contratar um motorista particular, em Yangon tem muito transito e o transporte publico não é muito eficiente. Conhecemos um taxista no dia que chegamos ao aeroporto de Yangon e ele nos levou nos outros dias para os passeios que havíamos programado, inclusive nos levou ate a Golden Rock.

Recomendo de olhos fechados o Sr. Ko Tint Naing, uma pessoa de confiança e muito prestativa.

No ultimo dia de passeio ele nos levou ao restaurante de sua família. Com certeza ele foi essencial para conhecermos a cidade e aprender mais sobre a cultura local.

Contato:

SR. Ko Tint Naing

Telefone: 0973105134 ou 9972341552

E-mail: 109kotintnaing@gmail.com

IMG_8498
Nosso motorista em Yangon e sua querida família

Bagan: Não é necessário carro para conhecer os templos em Bagan. Alugamos bicicletas elétricas, bicicleta comuns e contratamos um carruagem para nos levar aos templos mais distantes.

IMG_8939
Bagan
IMG_9223
Bagan

Visto: Brasileiros precisam de visto para visitar Myanmar.

Existem duas opções seguras, para tirar o visto.

A primeira opção e a nossa escolha foi tirar aqui no Brasil mesmo, o consulado de Myanmar fica em Brasília, então contratei um despachante, pois tentei diversas vezes contato com a embaixada e não consegui, como o despachante tem uma pessoa responsável por vistos em Brasília, achei mais seguro, se ocorresse algum atraso com a entrega dos passaportes. Acesse o site  www.myanmarbsb.org , baixe os dois formulários e preencha com seus dados, envie por correio, com quatro fotos 3X4, passaporte com validade mínima de 3 meses, copia de passagens aéreas e confirmação de hotel.

Valor R$75,00.

Nosso passaporte demorou 15 dias para voltar, achei pratico e rápido. 

A segunda opção é obter o visto na Embaixada de Myanmar em Bangkok, na Tailândia, os passaportes ficam prontos em 3 dias uteis, é necessário levar duas fotos 3X4 e passaporte com validade mínima de 3 meses.

Valor: 810 Baht

Mais informações: www.myanmarembassybkk.com/ 

IMG_9030
Bagan
IMG_7911
Shwedagon Pagoda – Yangon

Segurança: Nossa estadia em Myanmar foi muito tranquila, me senti muito segura nos pontos turísticos, hotéis e restaurantes. O povo de Myanmar é muito caloroso e prestativo. Porem é importante antes de agendar sua visita ao país verificar se esta ocorrendo algum problema politico ou religioso. Outra dica importante é não conversar ou fazer perguntas sobre politica com pessoas locais, para evitar qualquer problema.

Língua: A língua oficial é o Birmanês, porem a maioria das pessoas que trabalha com o turismo fala inglês. Não tivemos nenhum problema de comunicação em Myanmar.

Moeda: A moeda em Myanmar é o Kyat. Trocamos na casa de cambio no próprio aeroporto de Yangon, dólar por Kyat.

IMG_9160
Bagan

Alimentação: A culinária birmanesa não me encantou muito. Porem nos hotéis existem restaurantes internacionais com diversos pratos com pastas, pizzas e carnes. Fique atento á higiene nas barracas de rua.

IMG_8689
Bagan

Vacinas: Para visitar Myanmar é necessário ter o certificado internacional da vacina de febre amarela, que deve ser tomada 10 dias antes da sua chegada ao país. Eu tomei a vacina gratuitamente em um posto de saúde na minha cidade e no mesmo local foi feito o comprovante internacional.

Para mais informações:

bvsms.saude.gov.br/bvs/febreamarela/viajantes.php 

IMG_8024
Criançada fofa demais em Yangon
IMG_8493
Yangon

Hotéis:

Yangon – Nos hospedamos no Hotel Grand United – Ahlone Branch. Porem não recomendo, me encantei com fotos no Bookingg da vista do hotel para a Shwedagon Pagoda, mas ao chegar no hotel descobri que aquela vista é possível somente para quem se hospeda na suíte presidencial. As refeições do hotel não são boas, o atendimento é fraco e o quarto que ficamos por 3 noites não tinha janela. A única coisa positiva é a localização, a Shwedagon Pagoda fica a 5 minutos de carro.

Recomendo o Chatrium Hotel Royal Lake Yangon, me pareceu ser um excelente hotel.

Bagan – Nossa escolha foi o Aureum Palace Hotel & Resort, foi sem duvidas um dos melhores hotéis que já me hospedei! O quarto é muito amplo e confortável, a piscina com vista para os templos é incrível, o restaurante uma delicia, o atendimento excelente e a localização é perfeita. Reservamos o passeio de balão no hotel e também alugamos as bicicletas. Super Recomendo!!!

IMG_9434
Aureum Palace Hotel & Resort
IMG_9436
Aureum Palace Hotel & Resort
IMG_8777
Aureum Palace Hotel & Resort

Nos próximos posts vou dar dicas de Yangon, Golden Rock e Bagan!! Tenho certeza que vocês irão se encantar com esse país surpreendente!

IMG_9348
Bagan

 

8 comentários em “Myanmar – Dicas Práticas”

  1. Estevao em

    Parabéns pelo excelente site e dicas muito apropriadas! Lugares incríveis !!! Estou avaliando a possibilidade de incluir Myanmar no roteiro. Você tem o contato do despachante que realizou os procedimentos da emissão de visto? Muuuuito Obrigado!

    Responder
    1. Priscila em

      Oii Estevão bem vindo ao blog!!! Muito obrigada pelos elogios!! Vai sim para Myanmar vale muito a pena, um destino incrível!!! O visto foi com a empresa Schultz Vistos segue o site : http://www.vistos.com.br/
      Qualquer divida me avise!!
      Beijos

      Responder
  2. Paullo Roberto em

    Blog maaaaraaaaviiilhooosooo 😍😍😍
    Só achava relatos de como ir de Yangon à Bagan de onibus noturno, não sabia da existência desta companhia airkbz.
    E sem dúvidas já achei meu guia o Sr. Ko Tint Naing!!!
    Forte Abraço desde da Suíça

    Responder
    1. Priscila em

      Muito obrigada Paulo!!! Bem vindo ao blog!!!! Fico muito feliz que as dicas estão te ajudando a organizar sua viagem!!Myanmar é um país incrível!!! Beijos

      Responder
  3. Glauce em

    Tenho uma pergunta agora em novembro vou a Myanmar, chego em Yangon já tenho o evisa, mas depois de pedi-lo vi que meu passaporte está FI…. eu pensei que fosse o número 1, então assim eu informei, por acaso em casa eu vi outros passaportes antigos e me chamou a atenção que todos começavam com 2 letras, aí na parte pontilhada vi que era I (letra i maiúscula e não 1) eu informei como F1 e era FI, entrei em contato com o site que solicitei o e visa e eles informaram que não podem modificar porque eles enviaram tudo explicando direitinho, para confirmar, etc que era minha responsabilidade e só fazendo um n ovo. O q vocês acham?????????????????? 50 dólares é muita grana, vou ter q dar mais US$50???? Como funciona na prática????????? eles olham com tanta atenção assim??????? não vão me deixar entrar por um equívoco de uma letra????????????
    aguardo
    kakdila2012@hotmail.com

    Responder
    1. Priscila em

      Oi Glauce eu acredito que não terá problema, tudo depende do atendente. Não me recordo de ser nada rigoroso a entrada em Yangon. Boa sorte e boa viagem!! Beijos Pri

      Responder
  4. Hilda em

    Priscila vou esse mes para o Myanmar esse mes, agradeço todas as dicas! Vou ficar no aureum em bagan! Minha dúvida é em relação as roupas! Nos templos tem que cobrir joelho e ombo nos que vc visitou?

    Responder
    1. Priscila em

      Oii Hilda que delicia você vai amar Myanmar!! Fico feliz que as dicas te ajudaram! tudo depende do templo, recomendo sempre levar um lenço para evitar problemas! Boa viagem! Beijos!

      Responder

Deixe seu comentário!