Egito

Categorias: África

Luxor – Templos

Templo de Karnak

IMG_3337

IMG_3352

O Templo de Karnak ficou por mais de mil anos enterrado nas areias da antiga capital Tebas, descoberto no século 19, quando se iniciou o processo de restauração no maior e mais importante templo do Egito, e até os dias atuais continua a ser escavado e restaurado.

O templo levou praticamente 2 mil anos para ser finalizado (iniciado por volta de 2200 a.C. e terminado por volta de 360 a.C.), durante esse longo período diversos faraós fizeram mudanças e acréscimos na construção, o templo é dedicado principalmente ao Deus Amon-Rá, outros deuses que se destacam no templo é Mut e Khonshu.

IMG_3324

IMG_3397

IMG_3332

Localizado na margem leste do rio Nilo, o Templo de Karnak é um dos maiores edifícios religiosos do mundo, que abrange cerca de 200 hectares (1,5 km por 0,8 km).

O grande salão com hipostilo, é o lugar mais incrível de todo templo, possui 134 colunas de 25 metros de altura cada, com capitel em formato de papiro, são de impressionar qualquer pessoa.

IMG_3356

IMG_3357

IMG_3410

IMG_3412

No templo tem também o Lago Sagrado, local onde os sacerdotes se purificavam antes dos rituais no templo, uma das coisas que mais me impressionou na visita ao Templo de Karnak foram algumas salas que ainda mantem a pintura do teto intacto, o colorido é incrível.

IMG_3611

Não deixe de conferir o Sound and Ligth no Templo de Karnak, diferente do de Cairo, esse você caminha pelo templo durante a apresentação, o show acontece diariamente, confira horários e mais informações no site www.soundandlight.com.eg/

Horário de Funcionamento: Aberto diariamente.

Verão: 6:00 as 18:00

Inverno: 6:30 as 17:00

Valor do ingresso: 60 Libras Egípcias

Templo de Luxor

IMG_3441

IMG_3479

O Templo de Luxor teve o início de suas obras na 18 Dinastia, construído principalmente durante os reinados de Amenófis III e Ramsés II e durante séculos passou por diversas mudanças e reformas.

Sendo o único no mundo que possui elementos da época faraónica, greco-romana, copta e islâmica, o templo tem também uma Mesquita (Abu al-Haggag), que inicialmente era dedicada aos deuses Amom, Mut e Khonsu. IMG_3473 Esse templo também ficou durante séculos escondido nas areias do deserto e foi descoberto em 1881, em boas condições pelo arqueólogo Gaston Maspero. O templo está ligado a Karnak por uma avenida de esfinges de 2 km de extensão, que está sendo escavada até os dias atuais para ligar novamente os dois templos.

IMG_3492IMG_3497

  IMG_3470IMG_3487IMG_3451 Horário de Funcionamento: Aberto diariamente. Verão: 6:00 as 22:00 Inverno: 6:30 as 21:00 Valor do ingresso: 60 Libras Egípcias